Testemunhos

Bárbara Flores, fotógrafa, inscrita no CQEP-RA desde 31/08/2015, em processo RVCC NS desde 21/10/2015

Deixei de estudar muito nova e, passado alguns anos, concluí que tinha feito uma grande asneira e comecei à procura de entidades onde pudesse concluir o 12º ano. Na altura havia só as Novas Oportunidades que, entretanto, já não existem. Pesquisei na internet e foi por este caminho que acabei por encontrar o CQEP-RA; já não pensei mais e inscrevi-me.

Fui muito bem recebida, os técnicos têm-me dado um apoio incondicional, estão sempre prontos a ajudar-me. Não tenho nada de negativo a apontar, porque o meu processo começou há relativamente pouco tempo. Têm todos cumprido o que me têm dito, a maior parte dos atrasos que existem devem-se a mim, por causa da minha atividade profissional.

O processo de RVCC é um processo completamente diferente daquele que colegas meus frequentaram nas Novas Oportunidades, está a dar luta, está a dar-me trabalho. Vou obter o 12º pelo meu trabalho, pela exigência, pelo grau de exigência que o CQEP-RA me tem colocado e isto é uma boa iniciativa para quem desistiu de estudar muito cedo.

 

Pedro Matos, movimentador de pontes rolantes, inscrito no CQEP-RA desde 15/09/2015, em processo RVCC NS desde 16/10/2015

Conheci o CQEP-RA através da Escola Profissional de Aveiro onde me deram a indicação que o CQEP-RA poderia ajudar-me no que procurava, que era tentar finalizar através do processo de RVCC o 12º ano ou o ensino secundário.

Quando cheguei ao CQEP-RA o atendimento foi ótimo, fui muito bem recebido por toda a gente, fui bem orientado. O processo tem estado a correr bem, as pessoas que estão à minha volta realmente têm-me apoiado da melhor maneira, têm feito com que as coisas fluam e isso torna-as mais fáceis daquilo que são. Quem espera que sejam só facilidades bem se pode enganar, porque realmente é um processo um bocado “penoso”, falo por mim, porque trabalho num horário noturno e tenho que me deslocar ao CQEP-RA todas as semanas para ter as diretrizes para conseguir fazer o trabalho e tenho tido o maior apoio das orientadoras e das pessoas que estão envolvidas no processo.

O processo é difícil, não se espera que seja fácil e aconselho vivamente a todos que procurem o CQEP-RA, porque com certeza serão tão bem recebidos como eu fui.

 

 

 
 
 
 

 

Facebook

 

Fale connosco

Contactos

CQEP

Rua 1º Visconde da Granja, nº 4
3800-244 Aveiro
964 000 846 / 916 805 255

Email: secretariado@cqep-aveiro.pt